Arquivo | séries. RSS feed for this section

In the Beginning – Dexter 5.10

30 nov

Está ficando cada vez mais complicado falar sobre os episódios de Dexter sem ser parcial. E como não consigo, simplesmente não vou ser. Pronto falei. O episódio de número 10 – momento para as lágrimas, pois a temporada esta chegando ao fim – teve inicio com Dexter tomando as devidas precauções agora que Jordan Chase já sabe sobre ele e sobre Lumen. A primeira delas é mandar Harrison para a casa dos avós e a segunda levar Lumen para seu apartamento. “Eles dizem que a história se repete por si mesma, mas eu nucna colocaria minha família em perigo outra vez”


       O departamento esta de olho no caso das garotas mortas nos barris e começa fazer grandes descobertas depois de investigar o sumiço de Colen, eles invadem a casa do amigo e funcionário de Chase e acabam encontrando gravações das agressões cometidas com as treze garotas.
Dexter e Lumen investigam sobre a primeira vítima de Chase & Cia. A mulher é louca nota-se a um primeiro olhar. Depois de Lumen insistir ele acaba por contar a história toda e diz o nome do último desconhecido na foto.
      A cena na qual Lumen assistiu a tudo que fizeram com ela, a carinha que o Dexter fez no momento, são coisas assim que me fazem amar essa série. Enquanto Dexter e Lumen se preparam para matar o “quinto elemento” Luddy – mas conhecido como Robocop – assiste a tudo graças a câmera que instalou na casa do serial killer. – Não posso deixar de destacar o momento em que Lumen aparece com a sua roupa de “To night is the nigth” a car do Dexter de tipo “Fiuu Fiuu foi a melhor”

Já na casa da vítima Chase arma para que Dex e a sua aprendiz sejam pegos, porém mais uma vez Dexter mostrou que não é bobo nem nada. Ver Lumen matando sua primeira vítima foi perfeito e melhor ainda foi o final. Lumen tirando a blusa eeperando pela ação do Dexter. E como diria um colega meu, no final tudo acaba sem sexo.. ou pizza.



  Prévia de 5.11 


Confira a promo
        Até mais, (: 

The Vampires Diaries 2×07 – Masquerade

10 nov
Se tem uma série vem tendo episódios espetaculares a cada semana, sem dúvida, essa série é The Vampire Diaries. Posso afirmar também, que esse episódio foi o melhor até agora. O episódio terminou com gosto de season finale, sendo ainda o sétimo. Um feito!
O ápice do episodio envolvia a história da BichMaster Katherine, que pra mim é a melhor personagem do seriado junto com Caroline.

Depois de um término de fazer qualquer um chorar, Stefan decidiu deixar de ser donzelo e junto com Damon perfeição criou o esquadrão da morte, morte de Kath claro. Kath já havia ameaçado matar todos os coadjuvantes da série, por isso, essa revolta está eminente, mas ninguém imaginava era que a morte da Vampira iria acontecer ali, na festa mais badalada de Mystic Falls, entre uma taça de champanhe e um petisco (como citou alguém que não me lembro o nome no twitter).

Esquadrão formado, e eu devo admitir que adorei ver Jeremy trabalhando junto com Damon, trouxe vida ao personagem do garoto, que finalmente deixou de ser emo, até Tia Jenny percebeu. Além disso tivemos a participação do Professor Alaric, Caroline e Bonnie. O que me chamou a atenção foi que eles realmente acreditaram que poderiam matara a Biich, como se fosse assim tão fácil.
Mas Katherine como sempre tinha sua carta na manga, chegou acompanhada a festa não de um super vampiro sexy como é de se esperar, mas de sua bruxinha de estimação Lucy, que fez uma magia para que tu que acontecesse a Kath também afetasse a Elena.
Bonnie por sua vez, cumpriu sua tarefa importante de colocar um feitiço no quarto para prender Kath, enquanto Jeremy a seguia pra cima e pra baixo. Olha só, odiei o clima entre Bonnie e Jeremy, acho que não tem nada a ver e super desnecessário. Mas vamos ver o que o roteiristas tem em mente.
Enquanto o esquadrão trabalhava, os planos de Kath entravam em ação, é incrível como a Vampira sempre pensa além. Depois da perda de Mason ela precisava repor a presença de um lobinho e o que ela fez? Colocou Matt delicinha bêbado para criar confusão e fazer Tyler matar a menininha ipinotisada sem querer, mais uma, porque Kath já havia feito o favor de matar a outra safadinha logo no inicio do episódio. Ou seja, menos duas personagens inúteis na série.

Durante a execução desse dois planos super excitantes temos a Bich Master dando um show de sensualidade num vestido de gala, mostrando que sabe ser elegante e má ao mesmo tempo sem descer do salto e causar alarde. Dançava com Stefan e matava uma coadjuvante sem piedade, Katherine mostrou mais uma vez que na arte de matar piriguetes ela se sai bem melhor que Damon. Alok!

Agora o que me fez arrepiar foi a ensenação de Caroline e ver KATH caindo nela, e a gargalhada da Caroline na cara da Vambich? Não Tem preço! Putz Caroline tem crescido muito na série, ninguém pode negar. (Queria uma foto dela nesse episodio pra por aqui, mas nao achei nenhuma decente)
Depois disso temos o incidente do feitiço da bruxa Lucy fazer com que tudo que fizessem a Vamp afetasse a Elena, atrapalhando completamente os planos do esquadrão. Porém Kath não sabia que a bruxinha de estimação iria virar a casaca logo em seguida de encontrar a bruxinha chata bonnie. Sorte para o esquadrão.

O problema é que ninguém teve coragem de matar a melhor personagem da série, afinal de contas quase metade do elenco já foi pro brejo e nesse episódio foram duas de uma vez só.
O que aconteceu é que jogaram Kath na tumba de onde ela nunca deveria ter saído e lançaram novamente o feitiço. Pra mim a parte mais perfeita de todas foi ver Damon fechando aquela tumba, deu um gostinho de vingança realizada sabe? ADOREI.

Embora que saibamos que a Vamp não ficará lá por muito tempo, já deu pra notar que a volta dela tem muito mais história escondida do que a que voltou por Stefan. Ela ta é fugindo de um inimigo que tem mais poder que ela, agora tudo indica que quem pode se ferrar é Elena, já que ela que é raptada por um cara mascarado ao final do episódio.
Por fim, eu tenho que dizer: Jeremy, vem aqui em casa!!!!!!!! Hahahaha

Indicação de série – Private Practice

5 nov

 Private Practice é uma série Spin-off de Grey’s Anatomics que tem como protagonista a Drª Addison Montgomery (Kate Walsh). Depois de se separar de Derek e se demitir do Hospital Seatle Grace, Addison muda sua vida totalmente indo morar em Los Angeles com seus amigos da faculdade Naomi e Sam Bennett.

Lá ela conhece Pete, um médico amargurado que perdeu a esposa a pouco tempo e não quer saber de compromisso. Cooper um pediatra viciado em salas de bate papo e que vive se metendo em problemas com as mulheres que conhece. Violet uma psiquiatra que não consegue resolver seus próprios problemas e vive perseguindo o ex. E Dell uma espécie de faz-tudo que sonha em ser parteiro. O foco médico de Pratice Privates é diferente da maioria das séries médicas pois não envolve muitas cirurgias, eles trabalham numa clinica, Oceanside Wellness Group, onde aplicam medicina cooperativa, veem o paciente como um todo.
A primeira temporada estreou em 2007 e teve 9 episódios, o foco da mesma é a adptação de Addison ao novo ambiente de trabalho, para uma cirurgiã foi complicado mudar tão drasticamente, por isso vez ou outra vemos Adisson trabalhando juntamente com Charlotte King, chefe de equipe do Hospital de Santo Ambrósio. No inicio da série ela e Pete tiveram um flerte que não foi muito a frete, no fim da temporada ela começa a namorar com um policial as SWAT.
A segunda temporada dá mais foco aos problemas financeiros pelos quais a clinica passa, depois de vários desentendimentos Addison acaba assumindo a liderança. Cooper e Charlotte estão num relacionamento sério, Violet se envolve com Pete e um outro médico ela acaba engravidando e não sabe se quer quem é pai. Addison se envolve com um médico que é marido de uma das suas pacientes. O fim da temporada é dramático com violet entre a vida e a morte.
Na terceira temporada Violet tenta se recuperar do trauma mas não consegue e acaba deixando seu filho aos cuidados de Pete, Sam e Naomi voltam a namorar mas essa relação acaba não dando certo, depois disso ele se envolve com Addison o que faz com que o relacionamento entre as duas amigas seja ainda mais abalado. Um outro momento importante que finalmente vemos um relacionamento entre Addison e Pete.
Atualmente a série esta na 4ª temporada e tomou caminhos totalmente diferentes do que quem viu a primeira temporada poderia imaginar. É muito boa e vale a pena conferir. Se alguém tiver interesse em baixar: http://www.seriesw.com/ ou http://stvix.blogspot.com/

Dexter 5ª tempora – Episódios 3 e 4

24 out

“Practically Percefct” O inicio do terceiro episódio é hilário Debra e Dexter estão entrevistando possíveis babás para Harisson, mas interrogando seria a palavra certa pra descrever a atitude agressiva de Debra. Por fima escolhida acaba sendo Sonya uma enfermeira desempregada que encantou harryson imediatamente e conquistou Dexter ironicamente enquanto cantava “O bebê vai ninar, enquanto o papai vai caçar” para o garoto.
Dexter leva Harryson a terapia, pois o pai tem medo que o filho tem mesmo “nascido do sangue” exatamente como ele, mas a médica o alivia dizendo que o garoto é muito novo para manter certos traumas e diz para Dexter cuidar de si mesmo. E ele não vê jeito melhor que continuar sua caçada que tem como objetivo capturar um outro assassino em série Boyd, funcionário do controle de animais.


Enquanto no departamento continuam a investigar os crimes supostamente ligados a “Santa muerte” e uma das testemunhas é assassinada. As coisas ficam mais complicadas entre Laguerta e  Angel quando ela descobre que o marido brigou num bar, Quin continua investigando Dexter e junta os pedaços dos retratos falados descritos pela família de Arthur Mitchel. Quando Dexter põe seu plano para matar Boyd em prática acaba sendo surpreendido pelo mesmo e ambos vão parar no hospital. Agora Dexter também estava sendo caçado, mas foi mais rápido e conseguiu pegar o “Bad Guy” na sua própria casa.

Antes de acabar com Boyd vemos mais uma vez uma demostração de sentimentos por parte de Dexter “Lembra no caminhão quando você me perguntou o que eu quero? Eu quero minha esposa de volta”. Matá-lo significa pra Dexter se conectar com quem ele era, ele pretendia ficar curado, mas não conseguiu. Matar não mudou nada “Sem coros de aleluia, nada parece diferente, se alguma coisa acontecer só fico mais vazio” Logo em seguida Dexter ouve um barulho, havia mais uma vitima na casa, ela ainda estava viva.

“The Beauty and the Beast” O quarto episódio começou com Dexter cuidando da estranha que estava escondida na casa de Boyd, Debra liga pra ele e pede sua ajuda numa cena de crime, inicialmente ele tenta se esquivar mas depois resolve ir, Talvez eu possa usar a cena do crime para identificar a moça”  Depois de deixar a babá a noite toda com Harrison sem avisá-la a mulher diz a Dexter que não poderá mais cuidar do garoto. Dexter descobre quem é a mulher “Lumen Ann Pierce”. Quando volta para a casa de Boyd Lumen o ataca e foge, sendo pega logo em seguida.

Enquanto Angel vai até o hospital se desculpar com o cara em quem ele bateu. Quinn tenta se aproximar do filho de Arthur Mitchel e caba sendo preso e posteriormente suspenso por Laguerta, Já Debra invade a casa de um suspeito e consegue salvar a vida de um rapaz, Fo fim do episódio ela vai para a casa de Quinn. Dexter esta disposto a soltar Lumen mas ela é quem não esta pronta pra ir embora.

One tree Hill 7ª temporada – Episódios 2, 3 e 4.

24 out

No segundo episódio, “Can’t See You, But I Know You’re There” vemos aquilo que esperamos durante todo o primeiro , finalmente encontraram Quinn e Clay. Enquanto os dois estão sendo levados ao hospital Broke Davis enfrenta os problemas em que Millecent e Victória meteram a Clother Over Bros. Mia e Chase tentam distrair Jamie, mas acabam sendo driblados pelo garoto, parece que a experiência com Nanna Carrie fez mesmo Jamie não confiar em estranhos, nem em semiestranhos, ele só sai do parque quando Julian chega para buscá-lo, o relacionamento dos dois é admirável, foram ótimas as cenas onde Jamie o ensinou a jogar beiseball.



Nathan volta do acampamento assim que recebe a noticia, outro bom relacionamento é o que ele matem com Clay. Enquanto todos estão preocupados com Quinn e Clay ambos estão numa espécie de limbo. Julian acaba contando a verdade a Jamie e o leva para o hospital para visitar a tia e Clay. No final do episódio Clay consegue convencer Quinn a voltar e ela acorda.

O terceiro episódio, “The Space in Between”, é bem menos dramático que os dois primeiros da série, Quinn se recupera e apesar da situação de Clay ser de risco ele não há nenhum agravo, Victoria diz a Brooke que consegui resolver os problemas da empresa. E como novidade temos Millicent e Mouth acordando na mesma cama e muito constrangidos.
Clay agora vagando pelo hospital encontra um outro fantasminha camarada para conversar. Uma parte que havia sido esquecida fora a curiosidade de Jamie para saber de onde os bebês vêm, mas ganhou destaque mais uma vez nesse episódio.  
O médico de Clay diz a Nathan que pra sobreviver o amigo precisa de um novo rim, Nathan oferece o dele e faz os testes mas seu rim acaba sendo incompatível. Uma das cenas mais bonitas do episódio foi quando Quinn finalmente pode ir ao quarto de Clay e conversou com ele.

No fim do episódio Brooke descobre como a mãe conseguiu resolver o problemas, sendo presa. E o fantasma amigo de Clay acaba morrendo, Will Bennett era seu nome, “Seus órgãos foram doados para a sobrevivência de outros.” E um desses outros foi Clay.



O quarto episódio de OTH, ”We All Fall Down”  começa com uma cena que tirou o fôlego de muitas mulheres, Nathan Scoot jogando na antiga quadra, sem mais detalhes. Enquanto Julian o filmava escondido. Haley estava cumprindo sua promessa de ajudar pessoas em crise, mas os problemas das pessoas não eram crises propriamente ditas.

Alex e Chase jogaram uma partida de golfe bem “amistosa”, Brooke foi visitar a mãe na cadeia e em seguida foi levada por Julian a um castelo lindo onde eles pretendem se casar. Quinn recebeu alta, Clay se recupera bem.
Enquanto isso Nathan vai até a casa de Clay para pegar as coisas de Quinn e se depara com a cena do crime intacta. Abalado ele vai ao Tric beber encontra Julian, depois de jogar conversa fora ele resolve que não vai mais jogar basquete e sai do bar para avisar a família.
Brooke descobre mais uma das armações da Victoria, para salvar a linha de roupas a megera sacrificou os investidores, com peso na consciência Brooke decide liquidar seu patrimônio pra pagar a todos os investidores. No fim do episódio Haley finalmente atende um telefonema de alguém que precisa de ajuda e Nathan volta a cada da praia e começa a limpar o sangue do carpete.

Dexter 5ª tempora – Episódios 1 e 2

19 out

Depois de um final capaz de deixar qualquer um de queixo caído o nosso serial killer preferido esta de volta. A série volta exatamente de onde parou, Dexter saindo de casa com Harrison nos braços dando as costas ao corpo banhando de sangue da esposa. Em seguida vemos Dexter tentando lidar com as legalidade funerárias, uma ótima cena aquela onde ele observa um velório e vê pessoas chorando “E assim que as pessoas normais fazem”. Foi importante ver Rita viva no episódio, uma lembrança do dia em que se conheceram. Um momento complicado foi quando Dexter teve de contar a Cody e Astor sobre o que aconteceu com Rita, a inexpressividade de Dexter fez com que Astor o odiasse instantaneamente.

Enquanto Debra cuida do velório Dexter desiste de ir depor e resolve fugir, vai até o casebre e se livra de todas as provas e troféus do seu passado. Em seguida pega o barco. Quando para pra abastecer um cara o provoca e ele acaba o atacando, antes de matá-lo Dexter pede diz que sente muito. Nesse momento o pai dele reaparecesse, embora eu não goste de Harry ele consegue ajudar, convence o filho a voltar, “eles precisam de você, você precisa deles”.



Quem viu Dexter em conflito, mas feliz pela vida com Rita e depois teve de vê-lo encarando a esposa morta entende que as coisas não vão ficar boa daqui pra frente, eu nunca vi Dexter tão devastado, eu já sabia do que ele era capaz de muito pela família, vimos isso quando Lila quase os matou, mas agora ele realmente esta fora de si, quando chegou ao velório foi emocionante.

“Ela tinha um grande coração, grande o suficiente para todos nós, tinha que ser grande. Eu nem mesmo era humano quando nos conhecemos. Eu nunca pensei isso mudaria. Ela procurou e encontrou algo que eu nem sabia que existia. Ela nunca machucou ninguém, era inocente. Ela teve um morte brutal e eu não posso consertar isso”.

No segundo episódio vemos Dexter lutando pra conseguir aceitar a perda de Rita. A mudança para a casa de Debra e a responsabilidade de ser um pai em tempo integral. Notamos logo que lidar com Astor vai ser difícil. Quando vai locar um caminhão de mudança Dexter nota um mancha de sangue e segundo Harry se concentra nisso pra fugir do mundo, as pistas o levam a um funcionário da Defesa sanitária, Boyd. Dexter o segue mas não consegue muita coisa.

No departamento todos investigam um caso onde as vitimas são decapitadas e que parece envolver um culto religioso chamado de “Santa muerte”. Laguerta e passam por problemas no casamento, masuka é forçado a fazer o trabalho de Dexter e Quin além de tentar conseguir algo mais com Debra, continua investigando a morte de Rita em segredo.

Astor e Cody fogem da escola e vão até a antiga casa ver o local onde a mãe fora assassinada, depois disso Astor resolve ir morar com os avós paternos, apesar de relutante Cody vai junto, a ida deles deixa Dexter arrasado. No fim do episódio Dexter vai ao local onde Boyd joga os animais mortos e descobre corpos femininos.

Good Bye, Columbia! – Gossip Girl, is back.

16 out
Depois de seu episódio premiere, GG ficou um pouco muito parado, sem graça e já estava começando a perder as esperanças de que a série pudesse novamente tomar o prumo. Mas para minha alegria a sadomazoquistaegoista Blair Wordof tem a atitude mais baixa de todas e manda Eva de volta para casa, junto com a bondade recem atribuida ao caracter de Chuck.

Devo admitir que sentir um pouco de falta do velho Chuck, que agora esta de volta, mas me fez muito bem vê-lo com Eva. Chuck tava mais honrado que Dan na primeira temporada. ahahaha #naomematem
Chuck vs. Blair. Duas potências em Guerra para salvar Gossip Girl e está funcionando. Não é que essa semana tenhamos tido um salto gigantesco na qualidade, mas a coisa começou a melhorar.
Sem dúvida, a briga entre esses dois trouxe um novo ânimo. Ficamos sempre na expectativa para ver qual artimanha vem em seguida, qual golpe, quem sairá perdendo. Verdade seja dita, essa raiva toda é fácil de resolver. Arrumem um quarto para Chuck e Blair e tudo volta a ser uma paz sem igual. Mas, por favor, que não seja agora. Por enquanto preciso ver essa história se desenvolver melhor. #oremos
Mas, se tem uma coisa que eu gosto é ver Vanessa na sarjeta (é curel, eu sei, mas é verdade!) e por isso, essa foi outra trama bacana. Não pelo que aconteceu exatamente, mas pelo resultado. A jogadinha marota de Juliet foi super amadora e fiquei meio surpresa por Dan, Serena e Nate terem caído nessa. Por mais que Vanessa seja desconfiada e chata, ela sempre teve esse perfil correto no modo de agir. Não lembro de nenhuma vez vê-la dar rasteiras em alguém e por isso, mesmo eu não curtindo muito a moça, daria pelo menos o benefício da dúvida.
Apesar de que, eu acho que entendi o que rolou. Dan está LOUCO para se livrar dela e aproveitou a deixa. Perfeitamente compreensível.

E esse “irmão” da Juliet na cadeia? Todo rancoroso e querendo destruir Serena a troco de quê, mesmo? Continuo desconfiada que ele seja mais um parente perdido, filho ilegítimo ou um dos casos rejeitados da garota. O melhor é ver Juliet ferrando Vanessa só para “jogar… como é mesmo o nome?” com Nate. Aham, Cláudia.

Isso, sem falar no novo affair da nossa mais badalada portadora de DST’s de Upper East Side. Colin, o cara do táxi, é a Serena de terno ou não é? Vem romance por aí e espero que seja bom, porque essa lenga lenga entre Dan e Nate já deu o que tinha que dar há eras.

No entanto, a melhor notícia de todas é que semana que vem teremos o retorno triunfante de Jenny. YEAPY. E com a ajuda de Chuck pelo que parece, imagina a união dessas duas forças na intenção de derrubar Blair? Jenny fez muita falta e espero que ela seja mais um elemento bomba na série, porque Gossip Girl está precisando muito expandir seus limites.